Notícias / Pará

EDIÇÃO ELETRÔNICA

Condenado por atirar em primo

Terça-Feira, 18/10/2016, 14:12:58 - Atualizado em 18/10/2016, 14:38:51 Ver comentário(s) A- A+

Condenado por atirar em primo  (Foto: Reprodução)
(Foto: Reprodução)

Jefferson Alexandre Pereira Viana, de 22 anos, foi condenado nesta terça-feira (18), por homicídio culposo praticado contra o primo Alan Rodrigues Santana de 19 anos. A pena de um ano e meio de detenção será substituída por pena alternativa a ser definida pela juíza da Vara de Penas Alternativas de Belém, após a promotoria entender que o réu não tinha a intenção de matar a vítima. A informação foi divulgada pelo Tribunal de Justiça do Estado do Pará (TJPA).

O pai da vítima e tio do réu foi a única testemunha ouvida no júri. Ele disse que o filho antes de morrer contou aos pais que o primo não queria lhe atingir e que o tiro foi acidental, durante manuseio da arma.   Em interrogatório, Jefferson Viana relatou que ao manusear a arma acabou fazendo um único disparo que atingiu seu primo Alan Santana na cabeça. O réu disse ainda que socorreu a vítima, acionando uma ambulância que o levou até um hospital de pronto socorro onde foi atendido e operado. Jefferson Viana declarou também que atualmente responde a processo por crime de latrocínio e outro por roubo. 

O caso

Na manhã do dia 02 de fevereiro de 2013, Alan Santana foi atingido por disparo de arma de fogo, dentro de uma residência localizada na rua Roberto Camelier, bairro do Jurunas, em Belém. O réu e a vítima moravam no local com familiares.   

Conforme depoimentos prestados, incluindo o da vítima, que morreu 15 dias depois, o réu ao manusear uma arma de fogo e apontar para o primo acabou fazendo um disparo atingindo-o. Ao ver o Alan Santana caído, Jefferson Viana tratou de prestar socorro. Após 15 dias de alta a vítima chegou a trabalhar, mas, apresentou quadro infeccioso que lhe levou à morte.  

(Com informações do TJPA)

Leia também:

Comentários