Notícias / Pará

EDIÇÃO ELETRÔNICA

Belém tem um poste no meio de ciclovia

Segunda-Feira, 27/06/2016, 07:44:53 - Atualizado em 27/06/2016, 07:45:43 Ver comentário(s) A- A+

Belém tem um poste no meio de ciclovia (Foto: Daniel Costa/Diário do Pará)
Poste no meio da ciclovia dificulta visão e passagem de ciclistas pela Augusto Montenegro. (Foto: Daniel Costa/Diário do Pará)

Com o andamento das obras para a implantação do sistema BRT (Bus Rapid Transit), a avenida Augusto Montenegro passou a ser alvo de constantes reclamações por parte da população. O posicionamento dos postes no meio da ciclovia tem incomodado ciclistas e pedestres que trafegam na via. O problema pode ser observado no sentido Icoaraci-Belém, no perímetro do conjunto Cohab, bairro da Marambaia. 

Para o vigilante Elton Matos, 38 anos, morador do Parque Verde, há risco de atropelamentos, já que bicicletas e pedestres acabam tendo que disputar espaço. “Esses postes atrapalham até a visão dos ciclistas, podendo prejudicar os pedestres”, afirma. Diariamente, a moradora do conjunto Gleba III e dona de casa Patrícia Aguirre, 31 anos, transita a pé pela avenida para levar e buscar a filha Alice, 4 anos, na escola. E, de acordo com ela, os problemas na via vão muito além de infraestrutura: há desorganização no trânsito e falta policiamento naquele entorno das obras, o que acaba prejudicando a população que mora na área. 

FISCALIZAÇÃO

Outra situação denunciada pela moradora é sobre a fiscalização no trânsito da avenida. Segundo ela, quase não se vê agentes da Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana de Belém (SeMOB) nos pontos onde há sinais de trânsito, o que facilita a ocorrência de infrações por parte dos condutores. “É muito complicado atravessar por aqui com a minha filha. Não se respeita sinal vermelho e, quando tem guarda, eles não fazem nada”, diz.

RESPOSTAS

A Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana de Belém (SeMOB) informou que mantém agentes de trânsito dispostos ao longo de toda a extensão da avenida. Porém, o trabalho dos agentes de trânsito é dinâmico, o que significa que eles podem ser deslocados para outros pontos que necessitem de ordenamento. Já a assessoria da Polícia Militar disse que o Comando de Policiamento da Capital intensificou a atuação policial, principalmente nos pontos de maior movimentação. A Prefeitura de Belém, por meio da Secretaria Municipal de Urbanismo (Seurb), esclarece que, a respeito dos postes no perímetro citado, já foi solicitado a empresa concessionária de energia que fossem retirados da ciclovia. A concessionária deverá realizar o serviço nos próximos dias e, para isso, já instalou, inclusive, os novos postes substitutos.

(Pryscila Soares/Diário do Pará)

Leia também:

Comentários