Notícias / Pará

EDIÇÃO ELETRÔNICA

DIÁRIO lança exposição de projeto

Quarta-Feira, 18/11/2015, 08:15:25 - Atualizado em 18/11/2015, 08:17:04 Ver comentário(s) A- A+

DIÁRIO lança exposição de projeto (Foto: Ricardo Amanajás/Diário do Pará)
(Foto: Ricardo Amanajás/Diário do Pará)

As melhores práticas sustentáveis coordenadas por empresas de referência no Estado do Pará são o tema do Projeto Equilíbrio, lançado na noite de ontem no lounge do DIÁRIO DO PARÁ na Casa Cor Pará 2015. O projeto inclui a exposição de vídeos e fotos de ações de desenvolvimento socioambiental das empresas Hydro, Celpa e Imerys Caulim, parceiras do DIÁRIO na realização do projeto.

O objetivo é mostrar aos visitantes da Casa Cor a responsabilidade dessas empresas com a sustentabilidade das comunidades envolvidas nos projetos, em especial os de mineração e energia elétrica. Os detalhes de todas as iniciativas de cada corporação estão descritos nos quatro fascículos do projeto que estão sendo publicados aos domingos no DIÁRIO, desde o dia 15 de novembro. Segundo o diretor-presidente do DIÁRIO, Jader Filho, a exposição pretende fazer com que os visitantes da Casa Cor conheçam e absorvam as contribuições positivas que essas empresas oportunizam nos locais onde os projetos são desenvolvidos. “Queremos mostrar à sociedade, através das nossas mais diversas plataformas de mídia, que práticas de sustentabilidade existem e que beneficiam centenas de pessoas”, disse.

Expositora do evento, a Celpa mostrou como atua no desenvolvimento de projetos como o mutirão da economia, o Ecocelpa e o Luz para Todos, entre outras iniciativas. “O resultado é a economia da conta de luz e a conscientização das pessoas para uso racional da energia elétrica”, afirma o gerente de comunicação e marketing da empresa, João de Deus Lobato. Com 70 anos de atuação no Pará, a norueguesa Hydro levou para a exposição imagens de ações de responsabilidade social que já fazem parte da cultura da empresa. “São projetos muito conhecidos, mas apenas nos locais onde se desenvolvem, por isso é importante expor essas informações para o público de fora e formador de opinião”, destacou a analista de comunicação da Hydro, Ellen Macedo.

Pioneira na exploração do caulim, a Imerys coordena trabalhos sociais voltados para o plantio de mudas e reflorestamento de áreas exploradas com a ajuda da própria comunidade. “A Casa Cor é um evento muito oportuno para que possamos conversar sobre o que fazemos para tornar o meio ambiente mais sustentável”, resumiu a coordenadora de comunicação da Imerys, Juliana Carvalho.

(Leidemar Oliveira/Diário do Pará)

Leia também:

Comentários