Notícias / Mundo

PREOCUPAÇÃO

Japão registra o menor número de natalidade desde 1899

Quinta-Feira, 27/12/2018, 09:46:49 - Atualizado em 27/12/2018, 11:05:43 Ver comentário(s)

EDIÇÃO ELETRÔNICA

Japão registra o menor número de natalidade desde 1899 (Foto: Reprodução)
Japinhas estão cada vez mais raros na terra do sol nascente (Foto: Reprodução)

O número de nascimentos no Japão no ano de 2018 atingiu um salto bastante negativo desde que os dados começaram a ser coletados, em 1899.  De acordo com o jornal japonês Japan Times, o estudo do governo divulgado na última sexta-feira (21) mostra que 921.000 crianças nasceram no Japão no último ano, uma queda recorde de 25.000 nascimentos em relação a 2017. É a terceira vez consecutiva que os dados se mantém inferior a 1 milhão.

Ainda de acordo com o governo, foram registradas ainda 1,37 milhão de mortes em 2018, outro recorde desde a 2ª Guerra Mundial. O declínio da população japonesa foi de 448.000, o maior já registrado.

A falta de nascimento está se tornando uma preocupação cada vez maior para as autoridades japonesas, que agora têm como meta elevar a taxa de natalidade para 1,8% até o fim de 2025. Já em 2017, a taxa de natalidade no Japão foi de 1,43. E em 2016, foi de 1,44.

O primeiro-ministro Shinzo Abe se comprometeu a reformular uma medida de suporte para equilibrar a baixa de nascimentos oferecendo maior apoio à saúde infantil e à educação.

Além das medidas de suporte, o governo pretende ser mais flexível as regras de imigração do país. Principal medida apontada por especialistas como uma resposta ao envelhecimento da população. 

(Com informações R7)





Comentários

Destaques no DOL