Notícias / Brasil

CRUELDADE

Imagens fortes! Brasileira é espancada por DJ alemão e aparece completamente desfigurada

Segunda-Feira, 31/12/2018, 11:29:24 - Atualizado em 31/12/2018, 11:36:15 Ver comentário(s)

EDIÇÃO ELETRÔNICA

Ao voltar ao país, a brasileira Rebeca Kodaira desabafou sofreu as agressões que sofreu em Berlim, na Alemanha, do ex-marido e pai da sua filha. “Eu só lembro de morrer", desabafou.

Fabian Lamar, DJ e conhecido como NU, agrediu a mulher, que compartilhou tudo em um texto no seu perfil do Facebook. A publicação ainda e ilustrada com fotos em que ela aparece completamente desfigurada. Com os olhos inchados e roxos, boca inchada e com secreção e cortes, Rebeca desabafou sobre o que viveu.

Rebeca estava com um problema de saúde antes de ser espancada. A jovem foi diagnosticada com um tumor e seus glóbulos brancos estavam muito elevados, e precisou fazer um tratamento intensivo em um hospital.

Atualmente, ela está pesando 35 quilos.

"Eu deveria voltar [para casa] depois de quatro dias, mas meu pai veio para a Alemanha para me levar para casa [no Brasil]. Aparentemente o pai da minha filha estava bem e ele que reservou minha passagem para o Brasil. Meu pai colocou toda a sua confiança nele. No dia seguinte ele ficou a noite toda comigo e com nosso amigo Sw. Depois de um tempo, comecei a me sentir mal e já fazia parte da minha rotina vomitar ou ter diarreia por causa do remédio. Ele cuidou de mim e depois do banho me colocou na cama. Nós tivemos uma pequena discussão na frente do Sw. Na verdade, eu já sabia que ele estava fora de si. Naquela manhã ele já estava há dois dias acordado tomando substâncias e uma garrafa de mezcal. Deixei a bebê no quarto dela e deitei sozinha no outro quarto. Ele veio para a cama e só disse 'eu vou te matar' e colocou a mão na minha boca, como uma forma de me defender, mordi os dedos dele. Depois disso ele parou e eu gritei por ajuda, ele cobriu minha boca e nariz (se ele só quisesse me deixar calma e quieta, ele não cobriria meu nariz). Depois ele começou o estrangulamento no meu pescoço e acertou o lado esquerdo da minha cabeça", conta Rebeca.

 

Visualizar esta foto no Instagram.

I was 35 kilos, really sensible and fearing die. I had diagnosed tumor, also my kidneys was this kind of horse hoe, my white blood cells was too much elevated. I get to a intensive treatment. Left hospital cause had no blood anymore. I was supposed to back after 4 days, but my father came to Germany to take me home. Apparently the father of my daughter was fine and he book me a ticket to go Brasil. My father put all his trust on him. On next day he stay all night with me and our friend Sw, we did the song “tell me why”. After a while I start feel sick (I just had left hospital). And was already part of my routine to puke or diarrhea cause of the medicine. He took care of me and after shower me he put me in bed. We had a lil discussion in front of sw. cause I was really scared of a incense and fire. Actually I already knew that he was out of himself. On the morning he was already 2 days awake taking substances and a bottle of mezcal. I leave the baby room and lay down alone in the another room when he come to bed, he only said “I will kill you” and put his hand in my mouth, as a self defense I bite his fingers. After this he stop and I scream “help me” he cover my mouth and nose (if he only wanted make me calm and quiet he wouldn’t cover my nose). After he start strangulation on my neck. And hit the left side of my head. I just remember of die... After I turn off he still wanted to be sure I was dead, so he took me by my hair, and beat my face on the window corner. It makes a hole of 4 centimeters x 2 centimeters. He took out all my clothes (I don’t know what else and how) he just put me on the floor of the shower. (Maybe he try to wake me up, but I really was dead). He leave me on the floor with water in my face, I remember of stay ages away... and when I wake up, I didn’t remember even who I was, I just stand myself and look in the mirror, and I saw my face hair and body full of blood, I get panic and scared, and I couldn’t move... I move really slow to don’t wake him up, and the only thing was in my mind was “I need get out of here”. And I open the door without make any noise and as soon I get out I left the stairs down, I remember of the noise

Uma publicação compartilhada por Rebeca Kodaira (@rebecakodaira) em

 

"Depois que eu apaguei, ele ainda queria ter certeza de que eu estava morta, então ele me pegou pelo cabelo e bateu o meu rosto no canto da janela. Faz um buraco de quatro centímetros. Ele tirou todas as minhas roupas (eu não sei como) e me colocou no chão do chuveiro. (Talvez ele estava tentando me acordar, mas eu realmente estava morta. Ele me deixou no chão com a água escorrendo na minha cara, eu me lembro de ficar [com a mente] a séculos de distância... e quando eu acordei, não me lembrava nem quem eu era, eu apenas me levantei e me olhei no espelho, e vi meu rosto, cabelo e corpo cheios de sangue, fiquei com pânico e medo, e não conseguia me mexer... me movi muito devagar para não acordá-lo, e a única coisa que estava na minha cabeça era 'eu preciso sair daqui'", escreveu Rebeca.

A brasileira recebeu milhares de mensagens de apoio nas redes sociais, e aproveitou para dizer que está sendo ameaçada por NU. Eles se encontram no tribunal no dia 13 de fevereiro.

 "Ele está falando que eu estou mentindo, que ele não me bateu, que eu que comecei a briga e mordi o dedo dele. Eu realmente mordi, mas para me defender. Eu tenho medo porque ele é muito influente, tem muitos seguidores, tem apoio financeiro, então eu espero que a nossa justiça seja honesta", disse a jovem que está no Brasil, na casa da sua mãe.

NU usou o seu perfil no Instagram para falar sobre as acusações e se defender, mas depois a página foi apagada.

(Com informações da Revista Marie Claire)





Comentários

Destaques no DOL