Notícias / Brasil

ENTROU NA JUSTIÇA

Prédio de João de Deus pode ser demolido pela prefeitura de Anápolis

Terça-Feira, 11/12/2018, 08:42:59 - Atualizado em 11/12/2018, 09:10:49 Ver comentário(s)

EDIÇÃO ELETRÔNICA

Prédio de João de Deus pode ser demolido pela prefeitura de Anápolis (Foto: Reprodução)
O que parecia ruim para o médium ainda pode piorar (Foto: Reprodução)

A Prefeitura de Anápolis (GO) entrou na Justiça contra o médium João de Deus, exigindo a demolição do prédio do cirurgião espiritual. O pedido foi acatado pelo juiz Carlos Eduardo Rodrigues de Souza. João passa o tempo naquele prédio quando não está atuando na Casa Dom Inácio de Loyola.

LEIA TAMBÉM:

Localizado no Lote 7, Quadra S, na Rua Everton Batista, a residência deu lugar a um edifício de quatro pavimentos, ainda em construção. No entanto, a obra foi embargada por fiscais no dia 25 de outubro último, uma vez que estava sendo edificada sem expedição de alvará de licença.

João de Deus foi notificado para ir à prefeitura e regularizar a situação, mas nunca compareceu. Por esse motivo, a Prefeitura pediu urgência para interdição da obra e a proibição da ocupação até que o caso seja julgado, além da demolição do imóvel.

VEJA MAIS:

(Com informações do Metrópoles)



Conteúdo Relacionado:





Comentários

Destaques no DOL