Notícias / Brasil

CONTRAVENÇÃO

Escola de samba é alvo de operação e polícia cumpre mandados de busca e apreensão

Quinta-Feira, 06/12/2018, 08:51:59 - Atualizado em 06/12/2018, 09:01:40 Ver comentário(s)

EDIÇÃO ELETRÔNICA

A Polícia Civil realiza na manhã desta quinta-feira (6), o cumprimento de 11 mandados de busca e apreensão na sede da escola de samba Acadêmicos do Grande Rio, no Rio de Janeiro. Integrantes da agremiação carnavalesca são suspeitos de atuar na exploração ilegal de jogos na região e na prática de lavagem de dinheiro.

Os alvos da operação são o presidente de honra da Grande Rio, Antônio Jaider Soares da Silva, e mais três suspeitos, Leandro Jaider Soares da Silva, Dagoberto Alves Lourenço, Paulo Henrique Melo Rufino e Yuri Reis Soares.

Antônio é apontado como chefe da organização criminosa, além de ser sócio de empresas ao lado do filho, Yuri Reis, e do sobrinho, Leandro da Silva. Os dois são investigados como braços operacionais da quadrilha na operação de lavagem de capitais e no controle financeiro da organização.

As buscas são feitas também na quadra da Escola de Samba Grande Rio e no barracão, Cidade do Samba. São cumpridos também o bloqueio e o sequestro de bens dos investigados no valor de R$ 20 milhões.

(Com informações do Istoé)



Conteúdo Relacionado:





Comentários

Destaques no DOL