Notícias / Brasil

EDIÇÃO ELETRÔNICA

Agente de saúde do Pará recebeu R$ 118 mil mensal

Domingo, 27/11/2016, 15:01:01 - Atualizado em 27/11/2016, 20:50:32 Ver comentário(s) A- A+

Agente de saúde do Pará recebeu R$ 118 mil mensal (Foto: reprodução)
(Foto: reprodução)

Nos últimos dez anos, cresceu 3,5 vezes o número de funcionários públicos que receberam salários acima do teto constitucional, segundo reportagem do Estadão publicada neste domingo (27). 

Em 2015, por exemplo, cerca de 13,1 mil servidores dos poderes Executivo, Legislativo e Judiciário obtiveram remunerações salariais maiores que os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF), que era de R$ 33.763.

Ao todo, 54 servidores receberam os maiores salários - média de R$ 100 mil mensais, três vezes mais do que é permitido pela Constituição - e o maior de todos era o de um agente de saúde lotado no Poder Legislativo do Pará, com remuneração mensal de R$ 118 mil.

BALANÇO

Os dados foram reunidos pelo próprio Estadão, com base na Relação Anual de Informações Sociais (RAIS), do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), que são enviados obrigatoriamente pelos empregadores todos os anos.

A reportagem aponta ainda que o número real de funcionários públicos que receberam supersalários no período deve ser maior, pois o RAIS registra apenas os servidores da ativa, enquanto aposentados que acumularam gratificações e adicionais durante a carreira ficam de fora.

Além disso, cita também que os dados coincidem com um período marcado pelo não-pagamento dos supersalários, onde o próprio STF considerou, em 2008, que vantagens pessoais deveriam entrar no limite do teto e que, em 2014, deveriam ter o excedente cortado os servidores que recebiam supersalários antes de 1988.

(Com informações do Estadão)

Leia também:

Comentários