Notícias / Polícia

EDIÇÃO ELETRÔNICA

Acusado por morte da família Buchinger se entrega

Segunda-Feira, 25/01/2016, 18:39:23 - Atualizado em 26/01/2016, 11:57:42 Ver comentário(s) A- A+

Acusado por morte da família Buchinger se entrega (Foto: Antonio Melo)
(Foto: Antonio Melo)

Se entregou hoje (25), o quinto acusado de envolvimento do caso da família Buchinger, asfixiado em Altamira no último 7. O homem identificado como Anderson Goes Moraes, 31 anos, se entregou em Belém pela manhã.

De acordo com a Polícia Civil, o acusado participou ativamente do crime, entrou na casa onde ocorreu as mortes e foi piloto de fuga. A primeira pessoa a ser agarrada pelo bando foi Chiara, filha do casal assassinado e sobrevivente.

Anderson Goes Moraes participu ativamente do assassinato da família Buchinger. (Foto: Divulgação)

Ele e mais quatro pessoas, incluindo o filho do casal assassinado, estão sendo acusados do crime.

Anderson, que foi apresentado pela polícia em coletiva de imprensa na noite de hoje (25), já tinha um mandado de prisão temporária expedido, pela suspeita de participação no crime. Duas tentativas de prisão haviam sido realizadas, mas sem êxito.

O acusado disse que estava na casa no momento em que a família foi rendida, mas que não matou nenhuma das vítimas.

“Ele teve participação direta no crime, mas nega ter executado alguém. Ele também mencionou algo sobre ajuste de preços”, afirmou o diretor de Polícia Especializada, delegado Silvio Moraes, que está à frente do caso.

Desempregado há seis meses e morador de Altamira, Anderson trabalhava no município como motorista e alegou que não conhecia a família assassinada. Após 3 dias da grande repercussão do crime, o acusado partiu para Belém e estava na casa de parentes da esposa.

“Ele colaborou com as investigações e o seu depoimento se encaixa com dos outros acusados”, ressaltou o delegado Silvio Moraes.

(DOL com informações de Thamyres Nicolau/Diário do Pará)

Leia também:

Comentários