Notícias / Polícia

EDIÇÃO ELETRÔNICA

Aventuras de 'Poderoso Maximus' ganham 2º edição

Quarta-Feira, 20/06/2012, 07:25:47 - Atualizado em 20/06/2012, 07:25:47 Ver comentário(s) A- A+

Aventuras de 'Poderoso Maximus' ganham 2º edição (Foto: Bruno Carachesti)
O paraense Alan Yango criou o personagem há mais de dez anos e inseriu na trama vários elementos locais (Foto: Bruno Carachesti)

Um super herói papa-chibé com requintes de integrante da Liga da Justiça. Assim é o “Poderoso Maximus”, herói criado pelo paraense Alan Yango, há mais de 10 anos, cuja revista chega agora à segunda edição, após um hiato de mais de um ano depois do lançamento do número um. No universo dos quadrinhos no Pará este é um grande feito, já que ainda não há uma cena consolidada de trabalhos autorais e os artistas não contam com quase nenhum incentivo.

De acordo com Alan, é um sonho de criança que está se realizando. “Desde pequeno gostava de história em quadrinhos e sabia que um dia teria minha própria história e meu próprio herói publicado. Foi difícil, mas consegui”, afirma. Ele dirigiu a história do quadrinho e também atua como roteirista da revista do herói Maximus, criação de Alan baseada no Capitão Marvel (Shazam). A revista foi lançada durante a programação do 1º Festival Internacional de Quadrinhos da Região Norte do Brasil (Muiraquicon).

Esta edição só foi possível graças à colaboração de alguns parceiros. “Acho que este foi um dos motivos para conseguir publicar a segunda edição em um tempo menor que o da primeira, que levou mais de dois anos. Espero demorar cada vez menos para lançar as posteriores”, admitiu. Alan contou com a arte de Emmanuel Thomaz (que também desenhou uma história da primeira edição), para dar continuidade à história do herói que desta vez começa a explicar a origem dos poderes do professor Max Marins, uma homenagem de Yango para o poeta Max Martins.

Nesta edição, o autor revela que Maximus é a encarnação do guerreiro Mkzhymo, e o leitor poderá saber um pouco mais da participação do irmão de Marins em uma expedição em busca das ruínas Staualca. Yango já levou seu personagem para fora do estado. O herói paraense já ilustrou as páginas da revista francesa Le Bouche de Mondé e na catarinense Grandes Encontros.

O HERÓI

Dotado de super poderes como: força sobre-humana; corpo à prova de balas e a capacidade de soltar rajadas de ar pelas mãos, o mais poderoso cidadão paraense se divide entre salvar o dia e ministrar aulas de literatura na Universidade Dalcídio Jurandir. Por lá, o poderoso Maximus é conhecido como Max Marins, uma versão menos atraente do herói, magro e nerd. O professor ganha seus poderes graças a um antigo medalhão que pertencia à um sacerdote indígena de uma esquecida civilização amazônica.

ONDE ENCONTRAR?

A segunda edição da revista pode ser encontrada em algumas bancas ao valor de R$ 4,50. São elas: Nona Arte Geek Store, 2º piso do Boulevard Shopping; Banca do Alvino, praça da República, av. Presidente Vargas;

Banca do Alcir, av. Presidente Vargas, em frente ao Basa; Banca do Cid - trav. Humaitá c/ 25 de Setembro; Banca do Lauro, trav. Antônio Baena c/ 25 de Setembro; Banca Cifema, av. Almte. Barroso, em frente ao Shopping São Braz; Banca do Aviz, Almte. Barroso c/ Curuzu; Revistaria Futuro, Formosa, Cidade Nova; Revistaria Super Store, Yamada Cidade Nova; Banca do Lee, Cidade Nova 4, próx. à Portugal. 

(Diário do Pará)

Leia também:

Comentários