Quadrilha de assaltantes presa em Ulianópolis

Quinta-Feira, 09/12/2010, 05:50:06

Tamanho da fonte: A- A+
 Quadrilha de assaltantes presa em Ulianópolis (Foto: Rogério Brasil)
Dois dos seis integrantes do bando foram presos numa moto roubada (Foto: Rogério Brasil)

A Polícia Militar de Dom Eliseu tirou de circulação mais uma quadrilha de marginais formada por seis homens que a meses vinha agindo na região entre Dom Eliseu, Ulianópolis e Rondon do Pará, praticando roubo de motos, assaltando lojas, residências e estabelecimentos comerciais.

Os acusados são Eliezio da Silva de Souza, 30 anos, natural de Paragominas, Roberto Matias, 25 anos, natural de Presidente Dutra-MA, Rogério Moura Costa, 24 anos, natural de Breu Branco-PA, Washington Genoario dos Santos, 32 anos, natural de Itapetinga-BA, Frederico Ferreira Rocha, 22 anos natural de Aveiro-PA e Isak da Silva Soares, 25 anos, natural de Tucuruí-PA.

Eles foram presos anteontem, após a ação de uma guarnição da PM que estava de serviço no posto de fiscalização da Sefa, na fronteira do Pará com o estado do Maranhão. Para começar, logo pela manhã, dois homens suspeitos foram perseguidos e presos conduzindo uma moto Honda CG -125 roubada. A dupla acabou por entregar o resto da quadrilha que estava toda baseada em Ulianópolis, onde foram presos mais quatro suspeitos.

De acordo com o comandante da guarnição da PM, sargento Jaime, um dos assaltantes presos foi reconhecido por uma de suas vítimas, da qual eles roubaram uma moto Honda Bros 150, no dia anterior.

“O proprietário da moto disse que a dupla havia utilizado uma pistola 380 para intimidá-lo, no entanto a pistola não foi encontrada com a dupla que ao ser interrogada entregou o ‘serviço’, dizendo que a pistola pertencia a Washington, que se encontrava em Ulianópolis”, relatou o sargento.

Na casa de Washington foram presos mais três bandidos que estavam de posse da pistola 380, outra automática 765, um revólver calibre 38, e um automóvel Fiat Strada cinza prata, sem documentos, uma carteira com distintivo da Polícia Civil e farta munição para as armas. (Walquer Carneiro/Sucursal do Diário em Dom Eliseu)

Seja o primeiro a comentar. Clique aqui!

Sem Comentários

Mais de Polícia

Leia mais notícias de Polícia. Clique aqui!

EDIÇÃO ELETRÔNICA