Esporte / Pará

SOLTARAM O VERBO

Clube do Remo: Turma na bronca com o próprio desempenho

Segunda-Feira, 18/03/2019, 08:05:55 - Atualizado em 18/03/2019, 08:05:55 Ver comentário(s)

EDIÇÃO ELETRÔNICA

Clube do Remo: Turma na bronca com o próprio desempenho  (Foto: Fernando Araújo)
Queda de rendimento preocupa equipe remista para a próxima rodada (Foto: Fernando Araújo)

Assim como na partida contra o Tapajós, no sábado, diante do Independente, alguns jogadores do Remo novamente exibiram uma queda no rendimento físico, o que prejudicou o desenvolvimento da partida pela equipe e, consequentemente, inverteu os papeis para que o rival controlasse o jogo na etapa final. Djalma, que retornou à sua posição de origem no meio-campo e foi bem na partida, foi um dos que perceberam a situação. 

“A gente está jogando, aí o time entra com um sono do caramba, aí não dá. Acontece isso, o rival cresce e pressiona. A gente está criando e levando perigo ao gol adversário, mas não estamos aproveitando as chances”, disse o jogador.

Agora, com o próximo jogo contra o maior rival, apesar do momento, Djalma acredita que as coisas podem virar a favor do Remo. “Temos essa semana para trabalhar e é isso. Fazer o nosso melhor, procurar fazer o que o (técnico) Márcio Fernandes repassar e procurar vencer, porque estamos precisando de uma vitória”, comentou.

Já o atacante Mário Sergio, que anotou o único gol do Remo no jogo, também não se mostrou satisfeito com novo resultado ruim. “Tivemos uma queda de rendimento muito grande. Nós corremos bem, tivemos chance, mas não conseguimos aproveitar e sentimos no segundo tempo. Vamos voltar e escutar o professor para mudar, porque sabemos que podemos melhorar”, frisou.

Aqui você vai encontrar materiais esportivos de todas as marcas. Camisas de grandes clubes nacionais e internacionais. Acesse e confira!

Técnico reclama, mas vê evolução

O duelo do final de semana serviu para apresentar o futebol do meia Douglas Packer, aposta para o setor de criação. E na sua estreia, o profissional deixou um sinal positivo e de que pode render na posição. Porém, se quiser fazer frente ao seu rival, o Leão precisará contar com o retorno das peças que estão em trabalho físico à parte para ter opções para o clássico. 

“Eles devem estar à disposição do comando técnico para a gente avaliar se inicia com esses jogadores ou mantém alguns outros que jogaram hoje (sábado)”, disse o treinador.

Quanto à apresentação, Márcio Fernandes fez elogios e críticas. “No segundo tempo teve muito erro primário que proporcionou a equipe do Independente para uma reação, aí não conseguimos mais sair de trás. Alguns jogadores importantes cansaram e precisamos fazer a substituição, e na reposição não fomos muito felizes. Mas houve uma evolução, foi nítida. A equipe se posicionou muito bem, criou chances, fez gol”, destacou.

(Matheus Miranda/Diário do Pará)



Conteúdo Relacionado:





Comentários

Destaques no DOL