Esporte / Brasil

RETA FINAL

João Brigatti: os últimos 12 jogos do Papão na Série B serão encarados como 12 batalhas

Sexta-Feira, 14/09/2018, 08:09:16 - Atualizado em 14/09/2018, 11:12:01 Ver comentário(s)

EDIÇÃO ELETRÔNICA

João Brigatti: os últimos 12 jogos do Papão na Série B serão encarados como 12 batalhas (Foto: Jorge Luiz/Paysandu)
Brigatti afirma que a equipe está motivada para encarar as batalhas da Segundona (Foto: Jorge Luiz/Paysandu)

São 12 decisões, 12 guerras, só que jogo a jogo”. Foi assim que o técnico João Brigatti definiu, ontem, antes do embarque da delegação bicolor para Varginha, a caminhada do Paysandu na reta final da Série B do Brasileiro, competição em que o time luta para evitar o descenso à Série C de 2019. “A primeira batalha nós já vencemos contra o Avaí e a segunda guerra, logicamente esportiva, será contra o Boa Esporte”, completou o treinador, que se mostrou confiante em uma boa apresentação do Papão, após uma semana de treinamento, para a partida deste sábado, contra o time mineiro, pela 27ª rodada da Segundona.

“Fizemos vários tipos de treinamentos, com a equipe muito motivada. Isso me deixou muito feliz e me dá uma certeza de que o Paysandu vem forte para esses jogos finais”, analisou. 

Ele ressaltou, porém, que o Boa, mesmo sendo o vice-lanterna do campeonato, merece uma atenção especial, levando em conta as últimas apresentações do adversário. “Podemos conquistar uma vitória em Varginha, diante de uma equipe muito difícil. É uma equipe muito difícil jogando em seus domínios”, comentou.

TREINOS FECHADOS

O treinador explicou o fato de ter comandado os últimos treinos do time sem a presença da imprensa, como o de ontem pela manhã, na Curuzu. “Não é uma questão de fechar treino, de esquema totalmente diferente nem nada. É apenas para a equipe se sentir um pouco mais à vontade. Às vezes, acontecem algumas situações dentro do treinamento que a gente procura não passar para vocês”, justificou. O técnico disse ter cartas na “manga da camisa” para o confronto em Minas. “Conseguimos três situações de esquema tático durante os treinos dessa semana”, anunciou.

Boa quer sequência para sair da zona 

Após vencer na última rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, o Boa Esporte-MG está focado em deixar a zona de rebaixamento da competição. O atacante do time tricolor, Juninho Potiguar, fala da motivação. “Temos que iniciar uma boa sequência agora, para deixarmos a zona de rebaixamento da Série B. Nossa equipe tem chances disso. Vamos lutar muito nestas próximas partidas para, primeiro, deixarmos o Z4. Queremos muito que isso aconteça. Não vai faltar entrega e luta de todos aqui”, disse.

Ainda de acordo com o atleta, o grupo está focado no duelo de amanhã, contra o Paysandu, dentro de casa. “Esse jogo é decisivo para a nossa equipe e para a deles também. É um confronto direto nesta briga contra o rebaixamento. Vamos dar a vida durante os noventa minutos para vencermos. Só a vitória nos interessa”, declarou. A equipe mineira vem de uma vitória sobre o Goiás-GO, por 1 a 0. O resultado frente ao Verdão do Planalto, que está no G4, injetou uma boa dose de ânimo no grupo mineiro.

Aqui você vai encontrar materiais esportivos de todas as marcas. Camisas de grandes clubes nacionais e internacionais. Acesse e confira!

(Nildo Lima/Diário do Pará)





Comentários

Destaques no DOL