Esporte / Pará

EDIÇÃO ELETRÔNICA

Ney da Matta faz experiências, mas não garante vaga no time titular do Remo

Quarta-Feira, 10/01/2018, 08:59:57 - Atualizado em 10/01/2018, 08:59:57 Ver comentário(s) A- A+

Ney da Matta faz experiências, mas não garante vaga no time titular do Remo (Foto: Samara Miranda/Remo)
(Foto: Samara Miranda/Remo)

Na reta final de treinamentos, o técnico Ney da Matta segue realizando coletivos com o grupo de jogadores do Clube do Remo. Dessa forma, nesses dias que antecedem a partida de estreia da equipe no Campeonato Paraense, o treinador testa com mais variedade os atletas no time principal, o que não garante a titularidade. 

Veja imagens da movimentação

Um dos observados é o atacante Felipe Pará, dos novos contratados azulinos e que será, conforme desejo da diretoria de futebol, apresentando formalmente como atleta do clube, ao longo do dia de hoje. Outro profissional que vem se movimentando, é o meio-campista Adenilson, que retornou ao grupo após resolução de assuntos particulares.

Adenilson, aliás, era um dos cotados a fazer parte da onzena titular remista. Mas, com dores, o jogador acabou se afastando dos treinos e, consequentemente, dos três últimos jogos-testes da equipe. O atleta, no entanto, quer apenas demonstrar o seu potencial nessa reta inicial, deixando a escalação somente para o comandante. 

“Sabemos da reponsabilidade de defender o Remo, é uma equipe de massa. As contratações dos jogadores foram a dedo. Não só a minha, mas a do Rodriguinho e o Andrey, que são os caras que atuam no meio. Sigo com o meu foco de ajudar o Remo da forma que precisar, esse é o objetivo, mas é o professor que vai decidir. Quem for escolhido vai dar o melhor, pois é daqui que tiramos as coisas para dentro de casa”, destacou o jogador.

VINÍCIUS CRÊ EM UM 2018 MAIS FELIZ

Uma das esperanças de boa atuação do Remo para essa temporada, o goleiro Vinícius é só chamego com a torcida e com a agremiação. Pelo seu desempenho positivo na temporada passada, automaticamente garantiu o posto de titular. Contudo, o jogador sabe que a titularidade não significará nada se os resultados não vierem. 

Por isso, Vinícius endossa o discurso de que 2018 será um ano diferente da sua primeira passagem pelo Clube do Remo. Prova disso, de acordo com o arqueiro, é o desenvolvimento que vem sendo moldado pela comissão técnica. 

PROJEÇÃO

Para o profissional, conforme planejamento, o Leão vai começar e terminar o ano feliz. “Cada dia que se aproxima da competição a gente espera um Mangueirão lotado e fazer uma estreia com vitória. Agora são três pontos, estamos trabalhando bastante para conquistar o título, sermos campeões e é isso. O time está evoluindo. Esse será um começo de uma temporada feliz do Clube do Remo”, antevê o camisa 1.

(Matheus Miranda/Diário do Pará)



Conteúdo Relacionado:





Comentários