Esporte / Pará

EDIÇÃO ELETRÔNICA

Remo demonstra interesse em manter alguns atletas do elenco de 2017

Quarta-Feira, 13/09/2017, 08:58:30 - Atualizado em 13/09/2017, 08:58:30 Ver comentário(s) A- A+

Remo demonstra interesse em manter alguns atletas do elenco de 2017 (Foto: Marco Santos)
Martony pode permanecer no Remo, mesmo com o fim da temporada (Foto: Marco Santos)

Sem competições oficiais envolvendo o futebol profissional para o decorrer deste ano, o Clube do Remo agora passará a cuidar, basicamente, de funções administrativas, para os próximos meses. E um dos assuntos que irá abranger diretamente essa área é a dispensa de jogadores do plantel. Como não poderão mais defender o time azulino nesta temporada, os acordos relacionados à rescisão de contrato serão a principal forma de resolução, além de empréstimos. Desse modo, é provável que ao final dessa semana a primeira barca azulina comesse a zarpar.

Alguns atletas que terão os seus contratos encerrados no final de outubro deverão ser os primeiros a entrarem em acordo. Mas, na outra via, é possível que alguns jogadores também sentem para conversar, no intuito de estender o vínculo com o Leão Azul. É o caso do zagueiro Martony e do meio campista Flamel, dupla que foi procurada pela diretoria azulina sobre essa possibilidade.

MARTONY

O defensor Martony, inclusive, acredita que ainda pode render muito com a camisa do Remo. Caso ganhe outra oportunidade de defender o time, fará o possível para que o final seja diferente. “É muito bom você fazer parte de uma grande equipe. Acredito que qualquer jogador tenha essa ambição de defender grandes equipes, como a do Remo. Preciso acertar algumas coisas com a diretoria para saber o que realmente vai ser, mas a expectativa é de permanecer”, disse o jogador.

EDUARDO RAMOS

Com a possibilidade da consolidação dessas peças para o Remo no ano que vem, em contrapartida, velhos conhecidos do Baenão poderão estar deixando o clube. Como o caso de Eduardo Ramos. O meia, que tem uma relação de amor e ódio com Leão, e que defende, entre idas e vindas, a cor azul-marinho desde 2014, deverá estar no meio da barca que dará adeus ao Time de Periçá, nesta temporada.

(Matheus Miranda/Diário do Pará)





Comentários