Esporte / Mundo

EDIÇÃO ELETRÔNICA

Santos vence Figueirense e pegará Atlético-PR nas oitavas da Copinha

Sábado, 13/01/2018, 20:05:07 - Atualizado em 13/01/2018, 20:05:07 Ver comentário(s) A- A+

Santos vence Figueirense e pegará Atlético-PR nas oitavas da Copinha (Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)

O Santos está classificado para as oitavas de final da Copa São Paulo de Futebol Júnior. Neste sábado os Meninos da Vila entraram em campo contra o Figueirense, em Novo Horizonte, e após um primeiro tempo abaixo das expectativas, embora tenha conseguido abrir o placar, conseguiram superar os adversários por 3 a 1, gols de Sebastian, Wagner Leonardo e Gabriel Calabres. Jhonatan descontou para o Furacão, de pênalti.

Com o resultado, o Santos terá pela frente o Atlético-PR na próxima fase da competição. O rival paranaense se classificou também neste sábado, um pouco mais cedo, ao vencer o Criciúma por 3 a 0 em Fernandópolis. Tricampeão da Copinha, o Peixe disputou a grande decisão do torneio pela última vez em 2014, quando superou o arquirrival Corinthians por 2 a 1 no Pacaembu.

O jogo – O Figueirense foi quem mais esteve presente no ataque durante o primeiro tempo. Abrindo mão da jogada trabalhada por conta do estado do gramado, o time catarinense apostou nas ligações diretas e por pouco não abriu o marcador em Novo Horizonte. Logo aos oito minutos, após cobrança curta de escanteio, o Furacão jogou na área, mas a bola acabou passando por todos e saindo pela linha de fundo.

O Santos, por sua vez, só foi chegar com perigo aos 16 minutos com Walison Madalena. O centroavante do Peixe recebeu passe na direita, invadiu a área em velocidade e bateu cruzado, mandando a bola à direita do goleiro Vitor, que só acompanhou. Daí em diante, os Meninos da Vila passaram a figurar cada vez menos no campo de ataque.

Afetados pela lama que predominou a área de jogo, os jogadores santistas recuaram e novamente viram o Figueirense quase chegar ao primeiro gol. Aos 24 minutos Sidney bateu falta direto para o gol, surpreendendo Renan, que ainda assim conseguiu alcançar a bola e mandar para escanteio. Apenas vinte minutos depois o Peixe, enfim, conseguiu confirmar seu favoritismo e balanças as redes com Sebastian, que aproveitou o passe de Calabres dentro da área para dominar e bater firme para o gol.

Já no segundo tempo o Santos teve menos dificuldades para balançar as redes. Logo aos três minutos, Wagner Leonardo aproveitou cobrança de escanteio para ganhar no alto e cabecear firme para o gol, ampliando o placar para o Peixe. Oito minutos depois foi a vez de o meia carimbar a trave após chute da entrada da área.

Acuado, o Figueirense diminui o ritmo, mas após as mudanças do treinador, conseguiu descontar. Aos 20 minutos Jean foi derrubado dentro da área, e o árbitro não teve dúvidas ao marcar o pênalti. O zagueiro Jhonatan foi para a cobrança e bateu firme, no canto direito de Renan, para manter o time catarinense vivo na luta pela classificação.

Nos minutos finais, o Figueirense ainda tentou o empate com as mudanças efetuadas pelo seu treinador, contudo, o Santos também contava com “sangue novo” em campo e pôde segurar o ímpeto dos rivais mantendo a posse de bola no campo de ataque e aproveitando os espaços deixados para ir em busca do terceiro gol, que foi marcado por Gabriel Calabres ao acertar um chute cruzado de muito longe, definindo a partida.

Fonte: Gazeta Esportiva







Comentários