Esporte / Mundo

EDIÇÃO ELETRÔNICA

Petros exalta parceria com Jucilei e torce por permanência do volante

Terça-Feira, 14/11/2017, 16:25:03 - Atualizado em 14/11/2017, 16:25:03 Ver comentário(s) A- A+

Petros exalta parceria com Jucilei e torce por permanência do volante (Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)

Petros e Jucilei vêm sendo fundamentais no esquema do técnico Dorival Jr. Reforços do São Paulo para a atual temporada, os atletas rapidamente se entenderam dentro de campo e juntos deram uma grande contribuição para a retomada tricolor nesta reta final do Campeonato Brasileiro. Sem perder há cinco jogos, a equipe poucas vezes abriu mão dos dois volantes versáteis, e Petros foi só elogios ao comentar sobre a sincronia que possui com seu companheiro de time.

“É um grande amigo, uma pessoa espetacular, um cara bem centrado. Que bom que tudo se encaixou. Sabia que era uma questão de tempo para a gente se conhecer um pouco melhor. São duas pessoas que fazem de tudo em prol do clube, a gente conversa sempre para dar a consistência que a equipe adquiriu nos últimos jogos. Somos bem francos. Quando estou em um dia melhor tecnicamente, saio para jogar. Quando ele está melhor tecnicamente, ele sai para jogar. Que bom que os dois podem fazer essas funções”, afirmou o camisa 6.


A dupla do meio-campo atuou 21 vezes nesta temporada. Sob o comando de Dorival Jr, Petros e Jucilei foram a campo juntos em 19 oportunidades, somando sete vitórias, sete empates e seis derrotas, resultados que possibilitaram ao São Paulo uma notável recuperação, que embora tenha sido tardia, praticamente livrou o clube do risco de queda para a Série B.

Mais entrosados, os jogadores, entretanto, correm o risco de não seguirem dividindo o meio-campo em 2018. Com o empréstimo ao São Paulo chegando ao fim, Jucilei pode retornar ao Shandong Luneng, da China, que não deverá ceder facilmente nas negociações com a diretoria tricolor, esperançosa em diminuir o preço de compra do volante. Petros, por sua vez, torce para que o camisa 8 permaneça no Morumbi, mesmo reconhecendo o grande poderio financeiro que caracteriza o futebol chinês.

“Sobre a situação dele, sinceramente espero que dê tudo certo. É um cara que está adaptado, o torcedor se identifica muito com ele, é um dos nomes mais gritados pelo torcedor, com merecimento. A gente sabe que não é fácil, os valores chineses são fora da realidade do futebol, mas existe a vontade dele, o desejo de permanecer aqui, e isso é muito importante”, completou Petros.

A dupla deverá novamente ser titular no difícil confronto desta quarta-feira, contra o Grêmio, às 19h30 (de Brasília), em Porto Alegre. Do time que vem iniciando os últimos jogos, apenas Éder Militão, suspenso, e Cueva, com a seleção peruana, serão desfalques. Araruna é o favorito para assumir a lateral-direita, enquanto Maicosuel tem grandes chances de ser mantido na vaga do camisa 10 são-paulino.

Fonte: Gazeta Esportiva



Conteúdo Relacionado:



Comentários