Esporte / Mundo

EDIÇÃO ELETRÔNICA

Com um a menos, Juventude arranca empate contra o Vila Nova

Sexta-Feira, 19/05/2017, 23:20:03 - Atualizado em 19/05/2017, 23:20:03 Ver comentário(s) A- A+

Com um a menos, Juventude arranca empate contra o Vila Nova (Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)

Depois de vencerem na estreia do Campeonato Brasileiro da Série B, Vila Nova e Juventude não passaram de um empate sem gols, em Goiânia. Na noite dessa sexta, a equipe da casa não soube se aproveitar da expulsão do zagueiro da equipe gaúcha, Ruan, aos 29 minutos do segundo tempo. Assim, ambos chegam aos quatro pontos somados em duas rodadas. O Juventude é o terceiro colocado, enquanto o Vila Nova vem logo abaixo por causa dos gols marcados até aqui (2 a 1).

O primeiro destaque do jogo se deu pela falta de público no estádio Serra Dourada. O Vila Nova poderia mandar o jogo eu seu acanhado estádio com capacidade para 12 mil pessoas, mas segue preferindo atuar no famoso palco brasileiro, que acaba ficando gigante demais para uma torcida que pouco comparece.

E sem sofrer com a pressão do clima hostil que todo visitante costuma enfrentar, o Juventude se viu à vontade para criar o primeiro lance de perigo do jogo, aso 17 minutos. Tiago Marques, autor dos dois gols da vitória dos gaúchos na estreia, aproveitou cruzamento, mas errou o cabeceio.

No lance seguinte, Ruan levou cartão amarelo e ficou pendurado.
Mas a resposta do Vila Nova veio aos 21, com Matheus Anderson, que arriscou da entrada da área após os goianos tomarem a posse da bola no campo de defesa do adversário. O chute, no entanto, errou passou à esquerda da meta.

Assim, sem muito trabalho aos goleiros e diante de muito equilíbrio, Vila Nova e Juventude fizeram apenas um primeiro tempo morno, que terminou sem gols.

Na etapa final, o panorama não mudou. Os erros de passes atrapalhavam os dois times. E quando alguma oportunidade clareava, o lance acabava interceptado antes de sua conclusão. Assim, tanto Elisson quanto Matheus Cavichioli seguiam tendo mais trabalho apenas para cobrar tiros de meta.

O jogo ganhou emoção aos 29 minutos. Não por causa de um gol, e sim porque Ruan acabou cometendo falta na meia-lua em Alan Mineiro. Como já estava pendurado, recebeu o segundo amarelo e o cartão vermelho, deixando o Juventude com um atleta a menos em campo.

Mas nem assim o Vila Nova conseguiu o tão esperado gol. O empate, que já não era de todo mau para o Juventude, por se tratar de uma partida fora de casa, passou a ser ainda mais valorizado pelos gaúchos, que com a desvantagem numérica trataram de se encolher até o apito final. E, assim, levaram um ponto para a Serra.

Na próxima rodada, o Vila Nova visita o ABC, em Natal, sábado, às 16h30 (horário de Brasília). Já o Juventude joga em casa, diante do Paraná, no mesmo dia, mas às 19h.

FICHA TÉCNICA:
VILA NOVA 0 X 0 JUVENTUDE

Local: Estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO)
Data: 19 de maio de 2017, sexta-feira
Horário: 20h30 (de Brasília)
Árbitro: Wanderson Alves de Sousa (MG)
Assistentes: Pablo Almeida da Costa e Sidmar dos Santos Meurer (ambos de MG)
Cartões amarelos: JUVENTUDE: Ruan (2), Caprini
Cartão vermelho: JUVENTUDE: Ruan

VILA NOVA: Elisson; Maguinho, Wesley Matos, Alemão (Guilherme Teixeira) e Gastón Filgueira; PH, Geovane e Moraes Júnior (Alan Mineiro); Wallysson, Mateus Anderson e Patrick Leonardo (Tiago Adan)
Técnico: Hemerson Maria

JUVENTUDE:
Matheus Cavichioli; Tinga, Domingues, Ruan e Pará; Fahel, Lucas e Leilson; Juninho (Micael), Tiago Marques (Diego Felipe) e Ramon (Caprini).
Técnico: Gilmar Dal Pozzo

Fonte: Gazeta Esportiva



Comentários