Entretenimento / Cultura

EDIÇÃO ELETRÔNICA

Festas de 15 anos estão cada vez mais elaboradas

Domingo, 04/03/2018, 09:25:11 - Atualizado em 04/03/2018, 14:57:47 Ver comentário(s) A- A+

Festas de 15 anos estão cada vez mais elaboradas (Foto: Divulgação)
A estudante Maria Luiza comemorou seus 15 anos com uma festa cujo tema foi o Mágico de OZ. (Foto: Divulgação)

Você já deve ter visto nas redes sociais fotos e vídeos de festas de 15 anos com cenas cinematográficas, performances que mais parecem shows e decoração de impressionar pela beleza e produção. Em Belém, o que não falta é jovem sorridente em casa de recepção a realizar o sonho de debutar. De acordo com a cerimonialista Manu Porto, 28 anos, a criatividade vem da vontade de inovar dos anfitriões. “As mães das aniversariantes às vezes sonham com a festa até mais que as meninas e sempre querem fazer diferente”, avalia.

O planejamento de um 15 anos temático começa com até dois anos de antecedência e não tem como ponto alto apenas o dia do baile. Escolha do local da recepção, Buffet, ensaios de coreografia e valsa, ensaios fotográficos e até a distribuição dos convites viram eventos devidamente registrados e tão badalados quanto o grande dia.

A estudante Maria Luiza Alves, por exemplo, optou por fazer a entrega dos convites na porta da escola, com personagens do Mágico de Oz, tema da festa escolhida para debutar.

“Já queríamos que na entrega do convite fosse feito o ‘save the date’ (contagem regressiva da festa)”, conta a mãe da aniversariante, a médica Ana Cristina Alves. Para as aniversariantes, cada momento, da preparação até o grande dia, é motivo de alegria. 

“Eu antes queria viajar, mas fui às festas das outras meninas e vi que era a realização de um sonho, um dia de princesa. Aí percebi que a viagem poderia ficar para depois. A hora que entrei no salão e vi que tudo que tinha imaginado aconteceu foi o mais importante para mim”, conta Maria Luiza. “Foi maravilhoso. Eu digo que a minha festa durou dois anos”, conta já saudosista a estudante Maria Vitória Pereira, que planejou junto com a mãe, durante os 24 meses, o baile em comemoração aos seus 15 anos. A festa foi realizada em agosto do ano passado.

“Valeu a pena. No início ficamos em dúvida entre viagem ou festa, mas era um sonho dela e meu também. Ela comemorou cada instante, o dia foi só a concretização”, diz a mãe de Vitória, a empresária Ana Lúcia Pereira, 48 anos. 

Custos com decoração, coreografia, brindes e atrações da festa têm que ser planejados. (Foto: divulgação)

CUSTOS

Agora é claro que a felicidade de um baile de 15 anos temático, como é comum hoje em dia, tem um custo e vai de acordo com o poder financeiro dos pais da aniversariante. “Faça uma poupança. Comece cedo. Eu atendo meninas com 13 anos. É como se fosse um consórcio, os fornecedores parcelam os valores, então quanto antes melhor”, orienta a cerimonialista Lorena Machado, 44, que trabalha há 4 anos com esses bailes.

Mas, para que se chegue a um valor aproximado, é preciso saber o que o cliente deseja. “Tudo depende do que a menina vai querer. Têm vários opcionais. São as meninas que inventam. Então depende muito do que se quer”, reforça Manu Porto. 

E quando se fala em inventar, leia-se trazer cantores de fora, surgir para a valsa de formas inusitadas, oferecer brindes elaborados, sandálias personalizadas, fazer danças coreografadas, montar cenários temáticos, oferecer lanches de Fast Food ao fim da festa e registrar o antes, durante e depois com fotos e vídeos em álbuns físicos e virtuais. Mas, o importante é fazer o que se pode, planejar a festa com antecedência e ter em mente que o aniversário é uma celebração da vida e não um sacrifício impossível de se pagar. 

O decorador Abimael Santos, 32, afirma que todo fim de semana trabalha em festa de debutante. O trabalho conta com o apoio de uma pessoa responsável pela cenografia e outra pelo projeto que envolve a construção de cenários. “A aniversariante chega com um sonho, o tema Cinderela, por exemplo, aí a gente faz um trabalho de pesquisa, estuda, para chegar o mais próximo do que ela sonha”, conta. As flores são outro diferencial. “Já usei até seis mil rosas em salão. Todas vindas de Holambra (SP)”, destaca. 

E tem sonho que é uma verdadeira viagem. “Já fiz debutante voar de 12 metros de altura, sair da máquina do tempo, surgir do castelo do Mágico de Oz, por trás de máscara, chegar em carruagem”, enumera, sobre as entradas das debutantes para dançar a valsa.

Quem também pode participar do evento caracterizado de acordo com o tema escolhido são os animadores. De robô com leds a personagens da literatura, eles dão um diferencial à festa, garante Gustavo Sales, 30, de uma empresa que oferece esse tipo de serviço em Belém. “A receptividade é muito grande. A gente vê que as meninas de 15 anos gostam de ver essa identidade visual das festas aliadas ao psicológico delas”, explica Gustavo, que a cada fim de semana encarna um personagem diferente junto com sua equipe. “Há um ano criamos nossos personagens em um atelier próprio”, explica ele, que também é coreógrafo das famosas danças das amigas, valsas e dança com o pai.

Maria Vitória planejou, junto com suas mãe, o baile de debutantes por 24 meses. (Foto: divulgação)

PASSO A PASSO

O passo a passo recomendado pelas pessoas ouvidas na reportagem é procurar um cerimonialista, que vai ouvir a ideia do interessado para então ajudar no planejamento, que pode ser feito com até dois anos de antecedência.

O planejamento cedo é a chave do sucesso para quem não sabe por onde começar. É o cerimonial quem tem o papel de indicar os fornecedores para os donos da festa, como os locais de recepção, decoradores, DJs, Buffet.

As etapas, além da escolha dos fornecedores iniciais, também envolvem escolha do salão para o embelezamento da aniversariante e das amigas que participam da “dança das 15”, missa ou culto, ensaios fotográficos, gravações de vídeos, ensaio da valsa e dança com o pai, provas de roupas...

PREPARE O BOLSO

Realizar uma festa de 15 anos dessas requer tempo e dinheiro. Uma gama de opções e serviços são oferecidos aos responsáveis financeiros, que podem ou não aceitar. Confira um levantamento médio dos principais itens de um baile.

DJ: quanto mais conhecido o DJ, maior pode ser o cachê. Em Belém, é possível encontrar profissionais que incluem estrutura de som e iluminação com valor médio de R$ 6 mil.

Banda: Anitta e Nego do Borel, com seus cachês milionários, já deram as caras em bailes de 15 anos da capital paraense. Bandas locais cobram cachê médio de R$4 mil.

Animadores: ter personagens com o tema da festa interagindo no baile e entregando lanches ao fim do evento custa a partir de R$ 300.Buffet: começa em R$ 80 por pessoa – filé, camarão, massa –, até R$ 200 por pessoa – cardápios mais elaborados como cordeiro e bacalhau.

Bolo: a partir de R$ 1 mil, a depender da altura, número de andares, arte e tema.

Open bar: R$ 30 a R$ 35 por pessoa.

Brindes: de R$ 15 reais - aromatizador, caixa de doce -, até R$ 80 reais - caixa de joia, por exemplo. 

Coreógrafo: R$ 2 mil – inclui ensaio da valsa e dança das amigas.

Vestuário: a partir de R$ 1.500, por vestido alugado. No baile, a debutante veste duas ou três roupas diferentes – para receber os convidados, para dançar a valsa e cair na pista.

Convite: R$ 25 a R$ 30 a unidade.

Cerimonial: de R$ 1.500 a R$ 10 mil, depende do tamanho da festa e de quem é o cerimonial.

Local da recepção: aluguel entre R$ 3 mil e R$14 mil.

Sandália para o vale conforto: a partir de R$ 5 

Fonte: Cotação com entrevistados da reportagem.

VOCABULÁRIO DA FESTA

Hashtag: a festa costuma ter um nome com o tema, geralmente em inglês. A hashtag serve para postagens da debutante e dos convidados sobre o evento nas redes sociais. 

Save the date: é a contagem regressiva para a festa. Geralmente feito com fotos informando os dias que faltam para o evento e um vídeo especial com a debutante, em formato de clipe, com o tema escolhido e exibido no dia do baile e antes, nas redes sociais

Abertura de pista: depois da valsa, a debutante e 15 amigas - e 15 amigos também -, abrem a pista de dança com uma performance especial ensaiada antes da festa

Dança com o pai: Depois da valsa, geralmente a aniversariante e os familiares trazem algum elemento surpresa de dança, ou canto, para finalizar a apresentação

Vale conforto: um tíquete é entregue para as mulheres na entrada da festa para ser trocado, mais tarde, por uma sandália personalizada com o tema dos 15 anos e ajudar a diminuir o desconforto com o salto alto

Lanche: ao fim da festa é servido um sanduíche para quem fica até o encerramento. Em alguns casos, o lanche é substituído por café da manhã

Book: escolhido o tema da festa, a aniversariante faz um ensaio fotográfico para alimentar o save the date e o convite

Cine Day: making off desde o preparo até momentos do baile, apresentado em vídeo antes da abertura da pista de dança

(Luiz Octávio Lucas)







Comentários