Entretenimento / Cinema

EDIÇÃO ELETRÔNICA

5 personagens de filmes que não se parecem em nada com suas versões nas HQs

Segunda-Feira, 19/06/2017, 18:45:03 - Atualizado em 19/06/2017, 18:45:03 Ver comentário(s) A- A+

5 personagens de filmes que não se parecem em nada com suas versões nas HQs (Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)

Filmes baseados em heróis das histórias em quadrinhos se proliferaram a um nível que agora são considerados um gênero. Se por um lado isso foi bom para levar mais pessoas a consumirem quadrinhos, por outro, a maior parte do público que vai ao cinema ainda são espectadores convencionais. Por isso, seria interessante questionar o quanto de todo o sucesso dos filmes do gênero foi devido às modificações sofridas do material original.

Algumas mudanças realmente são necessárias, mas até quando elas realmente são justificáveis? Em X-Men: Dias de um Futuro Esquecido, Wolverine é enviado de volta ao tempo, contudo, originalmente, quem realiza a missão é Kitty Pryde. Já em Vingadores: A Era de Ultron, o responsável por criar a inteligência artificial é Tony Stark, enquanto nos quadrinhos isso cabe a Hank Pym, o Homem Formiga. Embora esses exemplos sejam grandes alterações, elas ainda são plausíveis dentro a história que os filmes montaram.

Acontece que não são apenas as linhas narrativas que sofrem mudanças durante as adaptações, diversos personagens também são modificados por vários motivos diferentes. Uma transformação que ocorre não apenas no visual, como também em suas personalidades. Pensando nisso, selecionamos algumas amostras de personagens que não se parecem em nada com suas versões dos quadrinhos.

5 – Magia (Esquadrão Suicida)

Com uma origem sem sentido, algumas bagunças de movimento (com uma estranha dancinha flutuante) com os efeitos de computação gráfica e um roteiro pobre, nem mesmo Cara Delevingne pôde salvar Magia. A personagem apareceu em diversas histórias ao longo dos anos, mas sempre manteve seu visual padronizado: um traje verde vibrante e uma longa capa. O esforço do filme em transformá-la na principal vilã da história, tentando mudar sua aparência para algo mais sombrio e assustador foi terrível, só que de ruim. Mesmo para uma vilã, sua participação foi bastante fraca e quase desnecessária.

4 – Helmut Zemo (Capitão América: Guerra Civil)

Todo o filme de Capitão América: Guerra Civil já é completamente diferente dos quadrinhos, apesar disso as mudanças fazem sentido no universo que foi desenvolvido. No entanto, o filme falhou ao levar Zemo para as telas. Optaram por um homem comum, sem poder algum, despido de qualquer plano grandioso, fraco e bastante simples. Nos quadrinhos, ele possui um rosto todo desfigurado devido a um acidente químico, visão falha e tem sua clássica vestimenta roxa. O filme não apenas deixa tudo isso de lado, como também ignora sua origem, se reduzindo apenas a uma mensagem de voz no celular.

3 – Ancião (Doutor Estranho)

Não há reclamações enquanto a atuação de Tilda Swinton ao interpretar o Ancião em Doutor Estranho, entretanto podemos levantar algumas ressalvas. A mudança aqui foi mais focada no visual, primeiro: a mudança do sexo. Enquanto nos quadrinhos o personagem é um homem, no filme ele é representado por uma mulher. Depois ainda há a mudança que, talvez, tenha sido a mais polêmica em volta do longa, a troca na etnia. Swinton é caucasiana, ao passo que, na fonte original, o personagem é asiático. Uma alteração mais suave foi em relação a sua vestimenta, que se mantem, basicamente, a mesma.

2 – Deadpool (X-Men Origens: Wolverine)

Antes de Ryan Reynolds conquistar tudo e todos em 2016, com o filme solo do personagem, ele interpretou Deadpool em 2009 no primeiro longa de Wolverine. E sério, o que foi aquilo? Tente encontrar algo (além do nome) naquela criatura pavorosa que apareceu em X-Men Origens que se assemelhe ao personagem dos quadrinhos. Simplesmente não há. Wade Wilson sequer fala no filme. Este é um caso para ser muito bem enterrado e esquecido, até porque, felizmente, tal erro foi milagrosamente reparado.

1 – Galactus (Quarteto Fantástico e o Surfista Prateado)

O caso chega a ser batido, porém, ele é tão grave que precisa – sempre – ser lembrado e fornecido como exemplo de como nunca, jamais, de maneira alguma, adapte um personagem dos quadrinhos para o cinema. Sendo a entidade mais velha do universo, o personagem é a terceira maior força de todo o espaço, atrás apenas da Eternidade e da Morte. Basicamente, ele possui poderes praticamente ilimitados. Seu único propósito é saciar sua fome de energia que ele obtém se alimentando, literalmente, de planetas. Mas a Fox acreditou que transformar o personagem em uma grande nuvem cósmica era o suficiente para representa-lo como um dos maiores vilões da Marvel Comics.

Concorda com a lista? Sabe de mais algum caso que caberia na lista? Então compartilhe com a gente!

Fonte: Fatos Desconhecidos





Comentários